Lixeira para lixo eletrônico em Portugal.



Blender – Electronic Goods Recycle Bin Commercial – video powered by Metacafe

Filme feito pela Y&R de Portugal para o Ponto Electrão, uma lixeira que é colocada nos shoppings portugueses onde você pode depositar seu lixo eletrônico. O legal aqui é a abordagem, ao invés de apelar falando sobre a poluição que o lixo causa, coisa que já estamos cansados de saber, a campanha mostra eletrônicos “vivos” que passam por diversos apertos para chegar à lixeira, neste vídeo a protagonista é uma batedeira antiga. A assinatura diz: “O seu eletrônico velho pode ganhar vida nova, leve ele até as lixeiras de reciclagem para lixos eletrônicos”.

Dia da Consciência Negra – Afrobras

O post de hoje é dedicado a reflexão sobre a inserção dos negros na sociedade. Muitas pessoas só esperam este feriado para tirar uma “folguinha” e esquecem do seu real significado. Já estamos saturados de notícias no jornal que mostram as diferenças sociais, são fatos: a população negra em média ganha menos, tem poucas oportunidades e ainda sofrem com o preconceito. A questão é: O que podemos fazer para mudar isso? O primeiro passo é entender melhor o problema, e detectar onde ele começa. Quando as pessoas não recebem cuidados e educação adequada para construir um caráter e virar cidadãs, acabam por se marginalizar. Sendo assim, a educação é de extrema importância.

Sabendo disso, o trabalho da Afrobras, uma ONG que reúne intelectuais, autoridades, personalidades, negras ou não, com a finalidade de trabalhar pela inserção sócio econômica, cultural e educacional dos jovens negros no Brasil. O lema deles é fundamental para a questão do negro no Brasil: “Sem educação não há liberdade”.

A ONG possuí diversos projetos e atividades como a “Revista Afirmativa Plural” que têm publicação bimestral com abordagem nos principais temas de interesse da comunidade afro-brasileira. O projeto “Mais negros nas Universidades” também é bem interessante, ele acontece em parceria com universidades privadas, e hoje, mais de 600 jovens negros já receberam bolsas para cursar o ensino superior; 70% já estão formados ou em fase de conclusão de curso. Para mais informações sobre a ong acesse o site http://www2.afrobras.org.br

Para terminar aí vai um trabalho contra o racismo feito por um estudante de publicidade. A idéia é interessante para mostrar de forma explícita o fato de que por dentro somos todos iguais.

Outdoor magnético

Outdoor ou imã gigante? Campanha muito interessante feita pela agência Bronx, o objetivo foi arrecadar doações para o programa de revitalização do Hospital Santa Casa de Curitiba. Moedas jogadas no Outdoor ficam grudadas por magnetismo, isso desperta a curiosidade nas pessoas fazendo com que muitos joguem moedas para testar, além de se divertirem também ajudam o hospital.

Passarela Sustentável

São Paulo ganhou na semana passada a mais nova construção sustentável do Brasil, a passarela de materiais reciclados. A passarela de pedestres que fica sobre a Avenida Eusébio Matoso, na Zona Oeste de São Paulo, passou por reformas e nesta sexta-feira (14) foi entregue à população. É a primeira passarela sustentável da cidade totalmente integrada com o meio ambiente.
Os elevadores que dão acesso à passarela foram feitos com tubos de pastas de dente reciclados. O piso é de pneus também reciclados e as lâmpadas são econômicas. Painéis solares garantem o funcionamento de um aparelho de TV, que dá dicas de sustentabilidade. A calçada da praça é permeável e permite que a água da chuva seja absorvida.
No jardim, foram plantados ipês-roxos, ipês-amarelos, jabuticabeiras e goiabeiras. A passarela e a praça fazem parte de um projeto de revitalização que vai do Largo da Batata até a Marginal Pinheiros.

Você já descobriu o Planet Green?

Então atualize-se, pois este é mais um dos grandes movimentos que vem acontecendo nas mídias ultimamente. Assim como a revista Sustenta!, relatado aqui no Grito das Cinco e recém lançada nas bancas, esse projeto, agora no meio televisivo, envolve também as práticas ecologicamente corretas na vida das pessoas com uma programação que leva o termo “estilo de vida verde” com bom humor e seriedade, exatamente como deve ser abordado: sem imposição e com naturalidade frente aos costumes das pessoas. E como o próprio texto da campanha reforça “…é o futuro das novas gerações, mais que uma cor é uma opção de vida.”

Descobrindo mais o verde. Aqui na América Latina o projeto da Discovery Channel traz blocos especiais no canal e ferramentas online, que por sinal são completas, com dicas e curiosidades interessantes. A iniciativa também conta com um investimento de U$50 milhões para ações de preservação ambiental em todo o globo.

Acesse www.discoverybrasil.com/descubraoverde/.